Santo Antônio de Leverger, 17 de Fevereiro de 2019
  Navegue:
Resgate Histórico
Eventos Sociais
Esporte
Política
Cultura
Saúde
Cidades
Pesqueiros / Pousadas
Dicas de pesca
Gastronomia Regional
Em sua opinião o Município deve proceder de que maneira com o morador que joga entulhos em vias públicas
Votar
Ver Parcial

noticias
Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
SÓ PARA OS FORTES
Juiz que cassou prefeito e vice de Leverger, alerta que política não é para sentimentais
22/07/18
Por: Redação - Leverger News
Fonte: RDnews

 

 

 

 

 

                      

 

 

 

 

 

STF liberou o uso de memes na eleição deste ano e o juiz Lídio Modesto já alerta que a brincadeira é ácida e aguentar a crítica é para os fortes. “Não devem as pessoas muito sentimentais participar do jogo político. A pessoa que se ofende com qualquer coisa não deve entrar porque a crítica, a acidez, elas fazem parte do jogo democrático” comenta em visita à reportagem de um site de notícias da capital.

     O governador Pedro Taques (PSDB), que se prepara para disputar a reeleição, afirma que os políticos devem se acostumar com memes e críticas nas redes sociais. Admite ainda que acha engraçado e até compartilha esse tipo de mídia.

“Não estou fazendo campanha, mas não posso desconhecer que as redes sociais terão um grande impacto no processo eleitoral. Eu acredito que o cidadão vai entender o que está sendo feito e este é o papel da comunicação. Meme, eu acho engraçado. Quem está na política tem que aguentar isso. Eu dou risada todos os dias. Acho engraçado e até mando uns memes”, revela Taques.

Mentiras não são permitidas, mas Modesto pondera que expor uma má gestão e taxar um político de incompetente com base em dados concretos não é considerado uma inverdade. As punições para mentir ou ofender alguém são previstas tanto no âmbito eleitoral, que podem ensejar o pagamento de multa, quanto na esfera criminal, podendo o autor da sátira ser preso. Se for comprovado que o candidato tinha pré-conhecimento ele também pode ser penalizado.


Em situações como essa, a Justiça Eleitoral analisará caso a caso. A liberdade de expressão impede juízes eleitorais vedem a propaganda de forma antecipada, antes mesmo de ser veiculada. “É censura prévia. Uma vez veiculada, cabe aquele que se sentiu ofendido trazer ao Poder Judiciário, que irá aferir se aquilo ofendeu a honra, a integridade”, comenta o juiz federal e juiz-membro substituto do TRE, Paulo Sodré.

A antiga lei eleitoral proibia “usar trucagem, montagem ou outro recurso de áudio ou vídeo que, de qualquer forma, degradem ou ridicularizem candidato, partido ou coligação, ou produzir ou veicular programa com esse efeito”. No julgamento do STF, o Plenário seguiu o voto do relator, ministro Alexandre de Moraes, segundo o qual esses dispositivos alterados violavam as liberdades de expressão e de imprensa e o direito à informação. Com isso, veículos de comunicação podem fazer sátiras e montagens com candidatos, bem como emitir opiniões favoráveis ou contrárias a políticos durante as eleições.

Modesto pondera que mesmo fora do período de campanha existem inúmeros atores que satirizam a política, que é um campo muito fértil. “Então, paciência”. Ele defende o uso de humor no âmbito eleitoral. “Os memes são sensacionais. Nunca vi um cara tão criativo como é o cidadão brasileiro. O fato acabou de acontecer e já tem meme”, analisa.

Entenda

A ação no STF foi ajuizada pela Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) contra os incisos II e III (em parte) do artigo 45 da Lei das Eleições (Lei 9.504/1997). O argumento foi que a proibição ofendia as liberdades de expressão e de imprensa e do direito à informação, garantias institucionais verdadeiramente constitutivas da democracia brasileira, gerando “um grave efeito silenciador sobre as emissoras de rádio e televisão, obrigadas a evitar a divulgação de temas políticos polêmicos para não serem acusadas de difundir opinião favorável ou contrária a determinado candidato, partido, coligação, a seus órgãos ou representantes”.

 *O juiz Lídio Modesto da Silva Filho que já trabalhou na Comarca de Santo Antônio de Leverger e presidiu as eleições municipais de 2008 foi o mesmo que cassou na época o registro da candidatura do prefeito reeleito, Faustino Dias Neto (DEM), e do seu vice, Izaías Vieira da Silva. Eles foram cassados por abuso de poder político e compra de votos.

 

Atenção! Os comentários e opiniões são de responsabilidade única e exclusiva do leitor e não expressam, necessariamente, o ponto de vista do site. Ao comentar, o usuário declara ciência e aceitação deste termo de conduta dos comentários do site LevergerNews.
Nome:
E-mail:
Título:
Comentário:
Comentários Envie o seu
 
Não foi feito nenhum comentário para esta matéria até o presente momento
Mais Notícias
12/02/19
Ex-vereadora,Chica Nunes é condenada a 11 anos de prisão
12/02/19
Vereadores são presos e prefeito é afastado por negociação de cargos de secretários e pagamento de mensalinhos
07/02/19
Impulsionada por Virginia Mendes e Márcia Pinheiro, primeira-dama Tayane Castro é eleita presidente da APDM
24/01/19
Santo-antoniense de raiz, assume a Chefia de Gabinete de Mauro Mendes
15/01/19
Experiente e com boa desenvoltura junto ao Governo, Valdirzinho nomeia RR para acompanhar Convênios
08/01/19
Chancelado por vereadores, secretário deixa interinidade e assume em definitivo a secretaria de RH
07/01/19
Prefeito indica vereador Miguel para conduzir sua base de apoio na Câmara de Leverger
20/12/18
Após repercussão negativa da população, , presidente convoca reunião de urgência para discutir VI de Controlador
19/12/18
Justiça autoriza ex-presidente da Câmara de Santo Antônio passar o Natal no Rio de Janeiro
12/12/18
Prefeito nomeia ex-vereadora para comandar a Saúde de Leverger
06/12/18
TSE mantém impugnação de candidatura de Fabris, mas deputado ainda aguarda recursos
13/11/18
Justiça condena santoantoniense a 12 anos de prisão por fraude em licitação
13/11/18
Oficial que já comandou a 3ª CIPM de Leverger é condecorado com a Comenda Filinto Muller
12/11/18
Santoantoniense preso na Operação Capitu tem liberdade concedida pelo STJ
11/11/18
Ministro do STJ concede HC no plantão e deputado eleito deixa prisão após 2 dias em MT
09/11/18
Apoiadores de Neri em Santo Antônio lamentam a prisão do político nesta sexta-feira
09/11/18
Santo-antoniense está entre os presos pela PF nesta sexta-feira (09)
20/10/18
PT é objeto de busca e apreensão em Leverger
20/10/18
Médico Luiz Fernando Amorim aposta em deputado para melhorias na saúde de MT
19/10/18
Juca do Guaraná Filho é multado em R$ 21 mil pelo TRE
08/10/18
Consolidação dos votos de Gilmar pelo TSE vai mudar configuração de eleitos na AL
06/10/18
PF faz devassa em Comitê de Juca do Guaraná e ação pode se estender até a Zona Rural
01/10/18
Eleitores de Barão de Melgaço que não realizaram o cadastro biométrico devem consultar situação no site do TRE
27/09/18
Deputado já tem 3 votos para registrar candidatura; vistas adia conclusão
14/09/18
Gilmar contesta informações de que o registro de candidatura foi negado pelo TRE
05/09/18
Justiça Eleitoral agrega seções de votação em Santo Antônio e Barão de Melgaço
06/08/18
Elvio está entre os 19 prefeitos de MT citados em lista de instituto denunciado pelo Fantástico
02/08/18
Lista de gestores com contas reprovadas e ficha suja está "floreada" de políticos santo-antonienses
13/07/18
Fabris mantém apoio a Taques mesmo com PSD no grupo de Mauro
25/06/18
Professora, esposa de santo-antoniense tem seu nome aclamado para concorrer ao governo de MT
CYBORG - O HOMEM DE 6 MILHÕES DE DÓLARES

Homônimo de herói de seriado americano vai responder pelo Controle de frotas e veículos da prefeitura de Leverger

BONITO PRA XA CARA !!!

Comediante é vetado para subir ao palco em Leverger

DOCUMENTO PÚBLICO

Gerente da Prefeitura Santo Antônio é suspeito de assinar ordem para pagamento sem conhecimento e autorização do chefe

DEMOROU, MAS SAIU DE CENA

Ex garoto prodígio do prefeito de Santo Antônio é exonerado

A ÚLTIMA CEIA!

Dois secretários devem sentar pela última vez ao lado do prefeito Valdir, num jantar nesta quinta-feira

Mais notas
"Funcionalismo Público: aumentar a receita sem cortar cabeças"
Leovaldo Antônio Duarte - Presidente do SIPROTAF-MT
o Grandioso Santo Antônio faz parte de Leverger à exatamente 118 anos
Tayane de Andrade Castro
Viva Rondon
Allan Kardec
O que dizer da Mulher Levergense?
Redação - Levergense
© Copyright Levergernews - Santo Antônio do Leverger, MT - Fone: (65) 3341-1799/8403-5258